Sistemas Drywall: forros, paredes, revestimentos, mobiliário Paredes Paredes Forros Revestimentos Mobiliários
Acadêmico Consumidor Imobiliário Profissional

Imprensa

Conheça 4 técnicas de construção a seco e suas vantagens

26/01/2017
Internet

As técnicas de construção a seco são muito utilizadas em países no exterior e vêm ganhando espaço também no mercado brasileiro. Segundo a Associação Brasileira de Drywall, o consumo de chapas utilizadas para esta técnica cresceu quase trinta vezes na última década no Brasil, comprovando o aumento de popularidade desse tipo de construção.

Mas, afinal, o que é construção a seco e quais são as suas vantagens? Você conhece quais técnicas são utilizadas nesse tipo de construção? Confira a seguir!

O que é construção a seco?
Na construção a seco, ao contrário da construção úmida, materiais como argamassa não são aplicados no canteiro de obras e a utilização de água para formação do material é dispensada. A construção consiste basicamente na montagem e na instalação de estruturas previamente fabricadas em ambiente industrial.

As estruturas usadas na construção a seco podem ser, por exemplo, paredes constituídas de perfil metálicos, placas de gesso, estruturas pré-moldadas em concreto ou aço, forros em madeira e outros.

Quais são as vantagens desse método?
A construção a seco apresenta muitas vantagens em relação à construção tradicional e, por isso, está sendo cada vez mais utilizada. Veja algumas delas:

Sustentabilidade
A construção a seco é mais sustentável porque reduz o consumo de água e produz menos resíduos. Os materiais utilizados também podem ser reciclados facilmente. Além disso, a construção a seco contribui para a eficiência energética do imóvel porque faz com que ele se mantenha naturalmente mais fresco no verão e mais quente no inverno.

Construção mais rápida
A construção a seco pode reduzir o tempo de construção em até 70% porque elimina as etapas de aplicação e secagem dos materiais tradicionais. O ganho de tempo gera economia e maior rentabilidade nos projetos.

Segurança
Os materiais adequados permitem o atendimento às normas e aos padrões de segurança, além de apresentarem resistência pela utilização de alta tecnologia no processo de fabricação.

Mais praticidade nas manutenções
Quando for necessária alguma manutenção, a área afetada pode ser substituída de maneira simples e prática, sem a necessidade de quebrar paredes. Tubulações, encanamentos e instalações elétricas podem ser acessados e reparados com mais facilidade.

Quais são as técnicas de construção a seco?
Conheça 4 técnicas de construção a seco que são tendências no mercado.

1. Placas de gesso

Conhecidas por drywall, as placas de gesso são montadas sobre uma estrutura de aço, cobertas de papel cartonado, que podem ter diferentes espessuras, dependendo da aplicação. As paredes normalmente são compostas de duas placas de gesso, que garantem bom isolamento térmico e acústico.

O isolamento pode ser ainda mais eficiente, com o uso de enchimento de lã mineral, apresentando função de vedação e de acabamento. No drywall, a aplicação não apresenta função estrutural.

2. Parede dupla de concreto

Nessa técnica, as paredes de concreto chegam prontas ao local da obra. Duas paredes são ligadas entre si por uma armadura em treliça, que tem função estrutural. Uma vez instaladas, o espaço entre as paredes pode ser preenchido por concreto, isopor ou poliuretano expandido.

A montagem de paredes duplas de concreto é vantajosa em relação à construção de alvenaria tradicional porque demanda menos mão de obra e tem menor tempo de execução. 

3. Steel frame

Perfis de aço galvanizado são conformados a frio e montados para serem usados como esqueleto estrutural do imóvel. As estruturas são montadas sobre uma fundação utilizando chumbadores.

Como a estrutura em aço é mais leve que em alvenaria, a fundação também é simplificada. O acabamento pode ser feito com diversos materiais, como drywall ou forros de madeira.

4. Painéis EPS

Nessa modalidade de construção a seco, os painéis de poliestireno expandido são montados sobre telas ou estruturas de aço que garantem a eles uma boa resistência com baixo peso.

São excelentes isolantes térmicos e, por isso, são muito utilizados em locais frios e câmaras frigoríficas. Dependendo do tipo de construção, os painéis precisam ser concretados ou apenas aparafusados.

A construção a seco tende a continuar crescendo no Brasil e no mundo. Sua sustentabilidade e praticidade devem continuar atraindo novos consumidores. Veículo: Blog - Mobuss Construção
Tipo de mídia: Online
URL: www.mobussconstrucao.com.br/blog/2017/01/construcao-a-seco/


Baixar PDF

Assessoria de Imprensa Drywall
Rua Julio Diniz, 56 cjto 41 - Vila Olimpia
04547-090 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3842-2433
email: imprensa@drywall.org.br

12/09/2017   Mercado brasileiro de drywall investe em informação para crescer
06/09/2017   Organizações se unem pela construção industrializada
31/08/2017   Desempenho acústico é destaque do vencedor

ver todos