Sistemas Drywall: forros, paredes, revestimentos, mobiliário Paredes Paredes Forros Revestimentos Mobiliários
Acadêmico Consumidor Imobiliário Profissional

Dicas

Dicas

Fixar cargas e objetos em drywall é tarefa fácil

A fixação de quadros, espelhos, prateleiras, armários, suportes para TV e microondas, ganchos ou armadores para redes e outros objetos em paredes drywall obedece a regras diferentes das recomendadas para paredes de alvenaria. Para executar essas tarefas é necessário utilizar buchas específicas, conhecidas no mercado como “buchas para ocos”, que funcionam aproximadamente como um guarda-chuva que é introduzido fechado na cavidade e aberto em seu interior. Também é preciso respeitar os limites de carga de cada bucha e o distanciamento entre estas nas paredes. Quando se trata de cargas mais pesadas, as paredes devem receber reforços internos, normalmente de madeira tratada ou chapas de aço, que distribuem os esforços mecânicos e facilitam a fixação. Na área residencial, em geral as construtoras já entregam os imóveis com reforços nas paredes das cozinhas que receberão armários. A localização dos reforços é indicada no Manual do Proprietário, entregue pelas construtoras a cada comprador.

Regras simples
Conforme esclarece o Eng. Carlos Roberto de Luca, coordenador da Comissão Técnica da Associação Brasileira dos Fabricantes de Chapas para Drywall, “são regras de fácil aplicação e, na verdade, bem mais simples do que as de fixação em paredes de tijolos ou blocos de concreto ou cerâmicos”. A propósito, para facilitar o dia-a-dia dos moradores e usuários de imóveis com essa tecnologia construtiva, a Associação produziu um folheto resumido, no qual apresenta detalhadamente e em linguagem não técnica todas as recomendações que devem ser seguidas caso a caso.

ver todos